Quer que eu desenhe?

#5 Quer que eu desenhe? – Como diferenciar Bentevizinhos (Myiozetetes)

Myiozetetes-similis-myiozetetes-cayanensis-bentevizinho-como-diferenciar-Revista-uru

De bico calado é difícil diferenciá-los, e eles ocorrem em simpatria em boa parte de sua distribuição. Apesar da voz perfeitamente distinguível, a diferença de visual reside em detalhes que olhos desatentos são incapazes de notar, especialmente se a ave permanece pousada na ponta de uma galha alta. Algumas características, contudo, nos dão boas pistas acerca da identidade da ave.
A mais gritante das diagnoses trai a ave quando essa deixa o pouso ou abre as asas em display. O bentevizinho-de-asa-ferrugínea (Myiozetetes cayanensis), como o próprio nome diz, apresenta a face interna das asas, com exceção das pontas, de um ferrugíneo bem visível. [04] A parte externa das primárias também mostra a mesma cor quando as asas estão relaxadas ou entreabertas. Porém, é preciso ter cuidado: é característica comum nos indivíduos jovens de tiranídeos a presença de marginações ferrugíneas nas penas, mais marcadamente nas rêmiges e retrizes. Sendo assim, jovens do bentevizinho-de-penacho-vermelho (Myiozetetes similis) podem ser confundidos com a outra espécie.

Se a ave estiver excitada ou em display é fácil visualizar a diferença de cor no topete, [03] que permanece escondido a maior parte do tempo. Como sugerido pelo nome, o bentevizinho-de-penacho-vermelho apresenta penas bem avermelhadas nessa região, o que o difere da outra espécie, que apresenta topete ornado por penas amarelas.

O bentivizinho-de-asa-ferrugínea tem tendência a mais pigmentação na plumagem em geral, e até mesmo nos olhos. A íris apresenta coloração bem mais escura em relação a seu parente. Da mesma forma a faixa transocular, [01] de um marrom anegrado no primeiro e de coloração mais esmaecida e acinzentada no último.   O dorso do primeiro também mostra coloração marrom, enquanto que o último apresenta uma coloração esverdeada nessa região[02]
Variação individual existe e pode mascarar um pouco essas diagnoses, mas olhos atentos e conhecimento prévio das características diagnósticas são capazes de identificar essas aves tão parecidas mesmo se elas não estiverem animadas a soltar a voz.

Myiozetetes-similis-myiozetetes-cayanensis-bentevizinho-como-diferenciar

Gostou do post? Compartilhe com seus amigos nas redes sociais. Não deixe também de sugerir espécies para os novos posts da série “Quer que eu desenhe?”!

Comentários

Comentários

Article written by:

Biólogo, mestre em Zoologia pela Universidade Federal de Minas Gerais, tem por hobby a observação de aves, a produção literária, o estudo da linguística e o aprendizado de línguas, com foco em inglês, espanhol e tupi antigo. Já publicou artigos na revista Atualidades Ornitológicas e no E-bird Brasil. Trabalha com monitoramento de aves em ambiente aeroportuário.